fazer, e fazer outra vez..

“Aplaudo de todo o coração a sua ideia de trazer a confronto todas as opiniões; demos ao Mundo o exemplo de uma iluminada clarividente tolerância, não nos façamos passar por apóstolos de uma nova religião, mesmo que seja a religião da lógica e da razão. Recolhamos e encorajemos todos os protestos, recusemos qualquer exclusivismo, qualquer misticismo; nunca consideremos esgotada uma questão e, depois de usarmos o nosso último argumento, voltemos ao princípio, se necessário com eloquência e ironia. Nestas condições, entrarei de bom grado na vossa associação; de outro modo, não!”

Proudhon em resposta a Marx quando este último o convidou a integrar a Internacional Socialista.

Share

Leave a comment

Your email address will not be published.

Please translate into algarisms * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.