HINO À VIDA

HINO À VIDA (1881) de Lou Salomé Tão certo quanto o amigo ama o amigo, Também te amo, vida-enigma Mesmo que em ti tenha exultado ou chorado, mesmo que me tenhas dado prazer ou dor. Eu te amo junto com teus pesares, E mesmo que me devas destruir, Desprender-me-ei de teus braços Como o amigo…

READ MORE 

desespero

O desespero será uma vantagem ou uma imperfeição? Uma coisa e outra em pura dialética. A só considerarmos a ideia abstrata, sem pensar num caso determinado, deveríamos julgá-lo uma enorme vantagem. Sofrer um mal destes coloca-nos acima do animal, progresso que nos distingue muito mais do que o caminhar de pé, sinal da nossa verticalidade…

READ MORE 

Rei sem castelo

Se eu pensar que o ambiente que me envolve não é nada para além de uma coisa à espera de ser optimizada, então porque não hei de construir um grande hotel no centro da cidade, fazer muito dinheiro, trazer as pessoas para tirar partido desse lugar. No entanto, precisamos ainda cultivar a ideia de que…

READ MORE 

seriousness

A clergyman has to recite every Sunday the prescribed prayer, or he has to baptize several children every Sunday. Now suppose he is enthusiastic, etc.—the fire goes out; he will thrill and move people, but at one time more, at another less. Onlyis capable of coming back regularly every Sunday with the same originality to…

READ MORE 

Man is a synthesis

Everything turns upon dread coming into view. Man is a synthesis of the soulish and the bodily. But a synthesis is unthinkable if the two are not united in a third factor. This third factor is the spirit. In the state of innocence man is not merely an animal, for if at any time of…

READ MORE